Bingo!

Hoje fui com o Cézar ao Hospital Clemenceau onde o Bingo está internado e diante do quadro de muito sofrimento e irreversível, junto com o médico decidimos deixa-lo partir. Foi uma decisão difícil, mas não podemos ser tão egoístas ao ponto de vê-lo sofrendo tanto e depois de termos feito de tudo e sem resultado. Vai meu Bingo! Você foi um grande amigo, companheiro e protetor. Você vai fazer muita falta!