Trapoeraba roxa… um belo tapete!

Eu conhecia esta planta como roxinha, foi uma surpresa descobrir o seu nome e assim tão diferente: Trapoeraba! Também conhecida por lambari. Conheço duas espécies o roxo e o verde. Eu tenho a trapoeraba roxa.

Possuem pequenas folhas muito decorativas, ovaladas, brilhantes, de coloração verde escura, com duas listras prateadas na face superior e, completamente arroxeadas na face inferior. Suas flores pequenas são de estrutura simples, possuem apenas duas pétalas na maioria dos casos. A floração se dá de forma axilar, podendo possuir até mesmo uma terceira pétala deixando as flores ainda mais vistosa.

Devem ser cultivadas a pleno sol, se multiplicam muito rapidamente e germinam em lugares inesperados. É quase uma praga de tão difícil de se eliminar, pois qualquer galhinho se enraíza facilmente sem precisar de muita ajuda de jardineiros ou qualquer outro estimulo.

É muito usada em jardins como forração e formação de maciços e em vasos e jardineiras como planta pendente, onde caem como uma pequena cascata.

Urgência, de Armando Artur

É urgente inventar novos atalhos.

Acender novos archotes

e descobrir novos horizontes.

É urgente quebrar o silêncio,

abrir fendas no tempo

e, passo a passo, habitar outras noites

coalhadas de pirilampos.

É urgente içar novos versos,

escalar novas metáforas

recalcadas pela angústia.

É urgente partir sem medo

e sem demora.

Para onde nascem sonhos,

buscar novas artes de

esculpir a vida.

 

Armando Artur é um escritor moçambicano

 

Receita de tricô: Ponto Queda de Folhas


Esta receita de tricô encontrei em pesquisas na internet e achei fácil de tricotar embora exija um pouco de atenção. Fica muito lindo e delicado e ideal para roupinhas de bebê.

Colocar na agulha um número de ponto divisível por 10, mais 6 pontos, mais as bordas. Tricotar:

1ª carreira:

1m, 1lç, * 3m, 1 md, 3m, 1lç, 1m, 1lç *, 3m, 1 ms.

2ª carreira e todas as pares (avesso) em tricô.

3ª carreira:

2m, 1lç, * 2m, 1 md, 2m, 1lçç, 3m, 1lç *, 2m, 1 ms.

5ª carreira:

3m, 1lç, * 1m, 1 md, 1m, 1lç, 5m, 1lç *, 1m, 1ms.

7ª carreira:

4m, 1lç, * 1 md, 1lç, 7m, 1lç *, 1 ms.

9ª carreira:

1ms, 3m, 1lç, * 1m, 1lç, 3m, 1 md, 3m, 1lç *, 1m.

11ª carreira:

1ms, 2m, 1lç, 1m, * 2m, 1lç, 2m, 1 md, 2m, 1lç, 1m *, 1m.

13ª carreira:

1ms, 1m, 1lç, 2m, * 3m, 1lç, 1m, 1 md, 1m, 1lç, 2m *, 1m.

15ª carreira:

1 ms, 1lç, 3m, * 4m, 1lç, 1 md, 1lç, 3m*, 1m.

Voltar a 1ª carreira.

Zamioculcas, planta para interiores e linda!

A zamioculcas é uma folhagem ornamental utilizada em interiores.

Possui folhas muito brilhantes  e de cor verde-escura, que chegam a um metro de altura.  A floração ocorre geralmente no verão ou início do outono.

A zamioculca é ideal para lugares bastante sombreados, onde outra planta dificilmente sobreviveria. Ela pode ser uma ótima opção para lugares pouco iluminados e requer pouca rega.

 

Impatiens walleriana, a maria-sem-vergonha

Gosto muito dessa plantinha e fui pesquisar mais sobre ela. Conheço como maria-sem-vergonha, mas o seu nome científico é Impatiens Walleriana. Esta plantinha de pétalas simples ou dobradas, possui uma grande variedade de cores, com flores, rosas, roxas, laranjas, vermelhas,  e floresce o ano todo. A folhagem também existe em verde escuro e dobrada.

Sua fama de “sem-vergonha” prende-se ao fato de que cresce em qualquer tipo de solo, mesmo naquele pobre em nutrientes.

Sombra ou meia sombra, com muita luz natural e sem incidência de raios solares. Ela produz um grande número de sementes em cápsulas que estouram ao mais leve toque, espalhando suas sementes a distancia e assim ela se multiplica muito rápido.

Segundas Intenções: vestindo o corpo moral, de Nilton Bonder

Bonder fala de impulsos, motivação, honestidade e consciência, discutindo conceitos como compromisso e livre-arbítrio. Para o autor, a moral ou a malícia podem se manifestar tanto no vício quanto na virtude.

Segundo o autor, enquanto a alma nseia por ser livre, o compromisso do corpo é com a verdade. Cabe a ele criticar a alma para que esta consiga administrar bem o equilíbrio.

Nilton Bonder é escritor e rabino brasileiro, na Congregação Judaica do Brasil, no Rio de Janeiro.

Ikebana – Natal 2019!

Nosso encontro de natal da Ikebana teve como tema o bambu. Tivemos uma apresentação da Fabíola e da Regina sobre os símbolos do Natal e do uso do bambu nos arranjos de ikebana.

O bambu representa força e resistência, pois é composto por nós. Suas raízes profundas, simboliza determinação e foco. Por ser oco e vazio, transmite leveza e desapego. Como sabe aguardar o tempo certo do crescimento, preza pela paciência e serenidade.