Velhas histórias

Transcrevi esse texto do meu caderno de recordações. Foi escrito carinhosamente por Jerusa, uma colega da minha turma do 3º ano normal do Colégio São Vicente de Paulo, em Bom Jesus da Lapa, no ano de nossa formatura, 1973.

Minha amiga depois de todos esses anos, confesso pra você, que é preciso e necessário sonhar…

A vida é uma eterna repetição de acontecimentos, uma reprise de coisa, umas agradáveis, outras, não. Mas todas elas ficam guardadas dentro da gente.

Quantas vezes a gente precisa parar para pensar, refletir, recordar… Quando isso acontece nos transportamos para outro mundo e é aí que vamos, através de um retrospecto, ver o errado ou o certo.

Lembrar é uma bela coisa, uma opção… podemos dizer. Buscamos diante de uma conformidade viver de maneira satisfatória para que os fatos acontecidos nos tragam alguma coisa de verdadeiro e de real.

E depois sonhamos, sonhamos e pronto: as velhas histórias voltam e nos fazem recordar. Tudo isso faz parte da minha história, da sua e da de todos nós.

Lembre-se, escute, adormeça e sonhe, porque é preciso é necessário sonhar.

Um comentário sobre “Velhas histórias

  1. Almira,
    Mensagens como essa alimentam nossos sonhos pela vida e nos impulsiona na busca de realizá-lo; esta sua colega lhe aconselhou bem. Fique com Deus.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s